Federação Interestadual dos Policiais Civis das Regiões Centro-Oeste e Norte.

Policiais Civis protestam em ato realizado no Salão Verde da Câmara Federal

Durante a noite de ontem (1º), líderes de policiais civis, agentes penitenciários, socioeducativos e guardas municipais, iniciaram vigília no Salão Verde da Câmara dos Deputados a fim de protestar contra a forma desrespeitosa com a qual o Governo Federal e parte do Parlamento vem tratando a reivindicação dos operadores de segurança pública.

O ato foi acompanhado por órgãos da imprensa e o objetivo era chamar a atenção da sociedade sobre a forma disparataria com a qual Bolsonaro vem tratando as forças policiais e os militares. “O ato foi um gesto de indignação! A paciência já está esgotada e não é pela falta de negociação, pois conseguimos com tranquilidade levar um processo desses, nossa revolta é pela molecagem de um governo que mostrou não ter compromisso algum com os profissionais da segurança pública e não possuiu qualquer interesse de tratar o assunto de forma respeitosa e leal”, externou Marcilene Lucena, Presidente da Feipol-CON.

Durante o ato os manifestantes receberam a visita do Deputado Federal Luiz Miranda – DEM/DF que tem sido um grande parceiro da causa dos polícias. Em sua fala o parlamentar ponderou sobre a manifestação e se colocou à disposição para continuar a ser interlocutor da categoria policial e disse não medir esforços para outra reunião com o Presidente da Câmara, Rodrigo Maia e buscar o melhor entendimento para as justas demandas reivindicadas. Marcos Monteiro, Vice-Presidente da Feipol-CON e que tem mantido estreito relacionamento com o deputado, falou sobre o envolvimento do deputado. “Tem sido louvável e somos gratos pela coerência e espírito aguerrido com a qual o deputado Luiz Miranda tem tratado nosso pleito. Sabemos dos demais compromissos de uma parlamentar e isso enaltece ainda mais o empenho do deputado com nossa categoria”, disse.

Hoje (02) é o dia da Manifestação em Brasília e a expectativa é grande. Os Estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins, todos base da Feipol-CON estão trazendo caravanas com pelo menos 10 ônibus.

Assista abaixo o vídeo do deputado.

Compartilhar.