Federação Interestadual dos Policiais Civis das Regiões Centro-Oeste e Norte.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA – Sindicatos filiados à Feipol-CON movimentam-se para manifestações que ocorrerão em todo Brasil

Seguindo orientações da União dos Policiais do Brasil, da COBRAPOL e atendendo à Convocação da Feipol-CON, realizada em 1º de maio, policiais civis de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins, preparam-se para realizar manifestações que ocorrerão no dia 13/05, próxima segunda-feira, em vários estados do país e no dia 21/05 em grande caravana para Brasília para protesto por uma Reforma da Previdência justa aos operadores de segurança pública.

Manifestações já foram realizadas nos dias 06 e 07 nos aeroportos de várias capitais do país e o apoio de vários parlamentares e da população de maneira em geral foram conquistados. “São ações que devem ser continuadas e ter o envolvimento de todos os policiais civis do Brasil. Conclamamos a todos para manifestar sua indignação por tamanha disparidade de tratamento, pelo fato de não terem sua atividade de risco reconhecida, por uma proposta que fragiliza a aposentadoria e destrói as pensões para os órfãos que ficarão à mercê de uma pensão parcial e provisória, caso o texto da PEC 06/2019 prospere como está”, indignou-se, Marcilene Lucena, Presidente da Feipol-CON.

Concomitantemente à preparação para as manifestações do dia 13/05, os sindicatos já realizam seus preparativos para as ações de 21 de maio, em Brasília. “Estamos certos com caravanas de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Tocantins e esperamos um grande ato na capital federal no dia 21. Será uma luta árdua, mas estou certa que a união e determinação de todos em lutarem por sua dignidade e pelo futuro de suas famílias falará muito alto. Enfrentamos condições de trabalho precárias, o desrespeito de nossos governantes com nossas estruturas de salário e carreira, bandidos armados e violentos todos os dias e essa é apenas mais uma batalha, uma das grandes que espero sairmos vitoriosos”, pontuou, Lucena.    

Cada sindicato adotará uma dinâmica de atuação e logística, tanto para os atos do dia 13 quanto para à caravana à Brasília no dia 21 de maio, portanto, a Feipol-CON orienta a todos que busquem informações com suas respectivas entidades representativas e fortaleçam seus sindicatos, pois sem vocês, não existe luta.

Compartilhar.