Federação Interestadual dos Policiais Civis das Regiões Centro-Oeste e Norte.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA: Sinpol-TO e Feipol-CON unem-se à UPB/TO em mobilização no aeroporto de Palmas

Nos horários de saída de voos do aeroporto de Palmas, entre os dias 06 e 07, (segunda e terça feira), a UPB-TO realizou manifestações em busca de apoio a uma aposentadoria justa aos servidores da segurança pública de todo o Brasil. Além do objetivo de chamar a atenção dos parlamentares em sua ida à Brasília, o manifesto também conquistou a atenção das pessoas que transitavam no aeroporto. “Estamos em um período crucial dessa luta. Precisamos do empenho de todos os profissionais da segurança nessas mobilizações e no convencimento da própria população, pois de fato a atividade policial é penosa, estressante e de risco”, ponderou Ubiratan Rebelo, Presidente do Sinpol-TO

Estiveram no manifesto além de policiais civis, policiais federais, rodoviários federais, dentre outros. “Essa foi a primeira das manifestações da UPB para o mês de maio que culminará no dia 21/05 com grande mobilização em Brasília, onde as entidades que compõem a UPB-TO pretende levar em caravanas operadores de segurança”, afirmou Marcilene Lucena, Presidente da Feipol-CON.

A Deputada Professora Dorinha DEM/TO, que coordena a bancada feminina na Câmara dos Deputados, além de assinar a emenda elaborada pela UPB e ainda se colocou à disposição pra colaborar com os operadores de Segurança Pública bem como com os professores, solicitando inclusive que fizessemos contato com o gabinete do deputado Hugo Leal, que assumiu a autoria da emenda, para que este encaminhe o material produzido para iniciar ações de coleta de assinaturas junto à Secretaria da Mulher da Câmara. “Agradecemos a Deputada Dorinha por comprar essa justa luta dos policiais e esperamos ter o mesmo apoio de outros parlamentares”, afirmou, Marcilene Lucena, Presidente da Feipol-CON e diretora do Sinpol-TO.

Outra parlamentar abordada foi a Deputada Dulce Miranda, que embora não tenha formalizado seu apoio de imediato, ficou interessada pelo tema e disse analisa-lo e em breve encaminhar seu posicionamento que, a priori é contra o texto da Reforma encaminhado pelo governo Bolsonaro.

O Sinpol-MS também realizou manifestação em Campo Grande e tem sido referência de empenho na luta pelos direitos dos policiais civis, tanto pela valorização e modernização da polícia civil, quanto por uma aposentadoria justa a esses profissionais.

Compartilhar.